Connect with us

Saúde

Procrastinação: Débora Diniz explica como essa prática pode atrapalhar o dia a dia de trabalho

Published

on

Há muitos anos se comenta a habilidade do ser humano em postergar suas tarefas diárias, sejam elas do trabalho que garante a renda mensal ou tarefas mais simples como as domésticas. Mas por que isso acontece? Quais os problemas que essa prática pode acarretar? Como reprogramar o cérebro para que isso não aconteça mais? Conversamos com a hipnoterapeuta Débora Diniz para tirar todas essas dúvidas, confira.

Meio e Marketing – A procrastinação é algo que acontece nos ambientes de trabalho em todo mundo, ela pode ser considerada uma doença?

Débora Diniz – A procrastinação em si não é uma doença, mas pode ser sintoma de um outros problemas, algo mais sério que precisa ser tratado. Ela pode se apresentar como um hábito do qual você precisa corrigir ou uma evidência de algum transtorno psicológico. O hábito de procrastinar é mais comum do que imaginamos, e não acontece somente no trabalho, cerca de 90% da população manifesta esse tipo de fenômeno em diferentes contextos, como nos cuidados com a saúde, nos estudos, no trabalho e até mesmo nas relações interpessoais. Para algumas pessoas, no entanto, a procrastinação já se tornou um problema crônico, atingindo 20% dos adultos, um batalhão de 20 milhões de pessoas só no Brasil.

Meio e Marketing – Quais os principais motivos que levam à procrastinação?

Débora Diniz – O procrastinador costuma postergar as tarefas com o intuito de obter bem-estar, mas, na verdade, a sensação é apenas imediata. Conforme as demandas vão se acumulando, o gesto, que à primeira vista parecia simples, foge do controle. Existem vários motivos que podem levam as pessoas a procrastinar, o nosso cérebro está programado para ser recompensado a curto prazo, a recompensa imediata é mais atraente, então listei as cinco causas principais que favorecem o procrastinador:

 Medo de falhar / Medo do julgamento 

Você já ouviu o ditado “antes feito do que perfeito”? E, claro, a perfeição chega com a prática. O medo de falhar ou fazer algo que não atenda as expectativas do outro está entre os maiores vilões da procrastinação. Esse medo é tanto que faz com que elas evitem concluir uma tarefa ou faz com que evitem começar. Esse comportamento procrastinatório é motivado, muitas vezes, por pensamentos de que não se pode errar, pois caso isso aconteça, será entendido como sinônimo de fracasso. O medo excessivo de falhar pode, muitas vezes, estar associado a um problema de baixa autoestima.

Fuga do desconforto ou Busca do prazer e sensações prazerosas

Muitas pessoas costumam procrastinar porque querem evitar sentir desconforto, então qualquer tarefa que cause emoções desconfortáveis, a tendência será adiar ou evitar essas tarefas. Nossa mente quer nos manter confortável, no habitual, no “lugar seguro” e por isso nos priva de fazer algo novo. As tarefas que não geram recompensas a curto prazo e causam desconfortos, costumam ser empurradas até não poder mais, deixar para amanhã o término de namoro, o pedido de demissão, a entrega do relatório… muitas pessoas procrastinam por não ter de passar por um determinado desconforto, seja por insegurança ou medo de uma situação.

Ações ilusórias ou Falta de clareza

Você já perdeu tempo do seu dia apenas pensando na quantidade de coisas que tinha que fazer? Às vezes a procrastinação está muito ligada à falta de clareza, a pessoa tem muitas demandas para cumprir, porém, não sabe por onde começar, isso lhe causa sentimentos de ansiedade e angústia, pois, não consegue diferenciar o que é prioridade do que não é, então acha que tudo é importante e urgente e isso o deixa paralisado. Por exemplo, você pode e deve checar os seus e-mails, mas você não precisa fazer isso a cada 15 minutos. Entendeu? Quando nos ocupamos com tarefas secundárias temos a falsa impressão de que estamos progredindo, mas na verdade trata-se de uma ilusão de ação.

Baixa autoconfiança

Algumas pessoas procrastinam por não se acharem boas o bastante. Muitas vezes, quando se deparam com projetos que precisam ser realizados, começam a pensar que não conseguirão executar e que são uma fraude, esses pensamentos os levam a procrastinar, isso porque fazem com que se sentam mal consigo mesmos, então, quando procrastinam, sentem-se mais calmas, mas quando o prazo do projeto está se aproximando, a pessoa se sente estressada e culpada por deixar para última hora, e algumas vezes isso leva a ter um desempenho inferior confirmando assim a sua crença de incapacidade e fracasso.

Barreiras emocionais

Estresse, ansiedade, síndrome do pânico, fobias e outros tantos sentimentos e emoções podem desencadear um ciclo vicioso de procrastinação.

Esses são apenas alguns motivos que podem levar as pessoas a procrastinar, mas existem outros.

 

Meio e Marketing – Depressão e ansiedade são doenças que levam o ser humano a procrastinar?

Sim. A Procrastinação crônica pode ser um sinal de problemas psicológicos e/ou fisiológicos, estando associados algumas vezes a um quadro de ansiedade, de depressão ou de TDAH, pessoas que estão em algum desses quadros têm uma tendência maior a procrastinar, mas isso não significa que todas as pessoas que procrastinam têm depressão, ansiedade ou TDAH.

 

Meio e Marketing – Trabalhar de home office com as comodidades de casa pode ser um dos fatores que levam o trabalhador à procrastinação?

Com certeza. Ambientes diferentes têm impactos diferentes sobre a nossa produtividade. Olhe para seu quarto, seu escritório, sua casa, enfim, eles fazem você querer trabalhar ou eles fazem você querer se aconchegar e dormir? Se a resposta for a última, você deve mudar o seu espaço de trabalho. Não precisa ser uma mudança drástica, mas as vezes a claridade, a organização ou a disposição dos móveis não estão adequados para o que você pretende alcançar.

Meio e Marketing – A Hipnoterapia é uma ferramenta científica que auxilia em diversos campos, ela pode ajudar a pessoa que tem o costume de procrastinar suas tarefas diárias?

A Hipnoterapia é uma solução muito eficiente para reprogramar a mente para que ela passe a agir diferente e elimine determinado padrão de repetição subconsciente, ela vai ajudar a encontrar e tratar a raiz desse problema. Tudo é equilíbrio! Com as técnicas aplicadas na hipnoterapia eliminamos o gatilho e extinguimos, de uma vez por todas, o hábito de procrastinar. Simples assim, a causa é exterminada da sua mente e você, consequentemente, conseguirá trabalhá-la a seu favor, evitando que você volte a cometer os mesmos erros ou ainda prevenindo que novos problemas venham acontecer.

Meio e Marketing – Quais dicas de exercícios mentais você dá para quem quer evitar a procrastinação no ambiente de trabalho, seja no escritório em casa ou na empresa?

 

  1. Organize a sua rotina.Mantenha o controle de como gasta seu tempo criando um cronograma e estabelecendo metas;
  2. Divida as tarefas em pedaços menores. Uma das principais razões que as pessoas procrastinam é porque o projeto que eles têm de enfrentar é tão grande, que eles não sabem por onde começar. O que você precisa fazer é quebrar o projeto em pedaços pequenos, para que se sinta administrável;
  3. Estabeleça um tempo médio.Quando você vai começar a trabalhar em uma tarefa que você está evitando, definir um temporizador para um determinado período, por exemplo, quarenta minutos, mesmo que aconteça imprevistos, e dizer a si mesmo que você não vai ter o seu foco fora da tarefa até que atingir o tempo estipulado;
  4. Altere o seu ambiente.Um ambiente que nos faz sentir inspirado antes pode perder o seu efeito após um período, então um simples quadro novo no ambiente já pode contribuir com um aspecto de novidade, de recomeço;
  5. Brinque com suas tarefas para torná-las mais agradável.Se a tarefa que você precisa realizar é chata ou cansativa é muito provável que você não vai querer começar. Se este for o caso, pode encontrar maneiras de tornar a tarefa mais agradável. Por exemplo, se não é muito do seu agrado ir ao supermercado, porque isso é algo que você não gosta de fazer, pode tentar transformar a tarefa em um jogo. Se desafie a bater o seu recorde de tempo fazendo compras ou ainda de poupar dinheiro. Mas lembre-se quanto mais se organizar mais fácil será de cumprir sua tarefa e otimizar o seu tempo;
  6. Não se iluda esperando sempre a hora certa. Pare de dizer a si mesmo que você tem que esperar até que você esteja no “clima” antes de agir. Por exemplo, se quer escrever um livro, você tem que definir um tempo em que você vai escrever, de preferência diariamente ou pelo menos nos dias úteis. Mesmo se lhe faltar inspiração naquele dia, ainda assim cumpra com seu horário estabelecido para essa tarefa;
  7. 7. Livre-se de distrações. Uma grande parte do tempo você vai procrastinar porque há apenas muitas distrações, incluindo e-mail, sites de mídia social, o seu telefone celular, e assim por diante. Muitas distrações aparecerão e servirão como sabotadoras para os procrastinadores. Muitas atividades que até então nem eram muito interessantes ou não eram prioridades passaram a ser, somente para te fazer adiar aquilo que você precisa fazer, mas ainda não consegue por causa da procrastinação. O sono pode aparecer sem estar na hora de dormir. Vontade de ir ao banheiro toda hora durante a execução da tarefa necessária, fome e até lembrar-se de outros compromissos. Se atente a essas vontades se não são apenas distrações para tirar-lhe do seu foco;
  8. 8. Saiba dizer não.Pessoas também podem ser distrações e facilitadores para uma boa procrastinação, então é preciso saber dizer não a aquele colega de trabalho que conversa em horas indesejadas ou até mesmo a um familiar que quer contar um caso, quando você precisa se concentrar para fazer um relatório. Claro que tudo isso pode ser feito de maneira adequada sem magoar ou ser grosseiro com o outro. E se não for nada urgente conversar com essas pessoas após terminar a tarefa necessária irá lhe deixar menos ansioso e consequentemente mais atento e disponível para ouvi-las;
  9. Crie recompensas. Combine consigo mesmo que para cada tarefa executada, você irá se recompensar com 15 minutos de navegação na web ou ainda com um delicioso pedaço de bolo de chocolate. A recompensa é um fator reforçador para os nossos comportamentos, ou seja, a chance de repetirmos essa atitude aumenta quando ela é reforçada;
  10. Defina uma penalidade. Assim como você pode se recompensar cada vez que você terminar uma das tarefas que definiu para si mesmo, você deve definir uma pena que você terá que enfrentar se não completar a tarefa. Como, por exemplo, se privar do uso das redes sociais por alguns minutos no dia, de preferência os mesmos minutos que desperdiçou na tarefa, deixar de assistir a série ou a sua novela favorita. A punição ao contrário da recompensa elimina o comportamento indesejado;
  11. 11. Peça a alguém para ajudá-lo.Outra opção é pedir inicialmente que alguém o ajude a controlar seu tempo e evitar a procrastinação. Estar com pessoas que inspiram você a agir, também influenciam no seu comportamento. Por exemplo, se você está tendo problemas para começar em uma tarefa, encontrar alguém para auxiliá-lo como o marido, o filho, o irmão ou um amigo pode ser uma grande ajuda.
  12. Reserve momentos para o lazer. Afaste-se de seu trabalho, curta férias, ou mesmo um final de semana livre para relaxar e levar algum tempo para se preparar para novos interesses pessoais e profissionais;
  13. Conheça seus pensamentos.Se você foi adiando por um período prolongado, pode refletir sobre o que você quer e o que você está fazendo atualmente. Muitas vezes, superamos nossos objetivos à medida que descobrimos mais sobre nós mesmos;
  14. Livre-se dopensamento do tudo-ou-nada.Não diga a si mesmo que, se você não pode fazer algo perfeitamente, você deve deixar de fazê-lo, esse é um dos pensamentos mais frequentes no procrastinador e o mais improdutivo.

 

Além de todas essas dicas, considere buscar auxílio de um Hipnoterapeuta para que você possa compreender melhor os seus comportamentos, suas qualidades e alavancar os novos hábitos.

Siga Débora nas redes sociais: https://www.instagram.com/deboradinizoficial/

 

 

** Este texto não necessariamente reflete, a opinião deste portal de noticias

Continue Reading

Saúde

Dislexia: distúrbio é o mais comum entre estudantes

Published

on

By

Transtorno atinge até 17% dos alunos no mundo; neuropediatra alerta para educação inclusiva nas escolas

O mês de novembro é marcado pelos dias da alfabetização e de atenção à dislexia – distúrbio caracterizado pela dificuldade de leitura e escrita. As datas alertam para a educação inclusiva nas escolas. No Brasil, o Instituto ABCD estima que aproximadamente 4% da população possui o distúrbio. Entre alunos do mundo todo, a dislexia é apontada como o transtorno com maior incidência, atingindo de 5 a 17%.

“A dislexia é classificada como um transtorno específico de aprendizagem (TEAp) que se manifesta por meio de um conjunto de sintomas, podendo envolver leitura lenta ou incorreta de palavras e dificuldades de soletração, por exemplo. É uma doença heterogênea, ou seja, com intensidades e necessidades variáveis de indivíduo para indivíduo”, explica o Prof. Dr. Vitor Haase, neuropediatra e pesquisador da healthtech Treinitec.

Segundo ele, o diagnóstico pode ser confirmado após os oito anos de idade, devido à maturação neurológica de áreas essenciais para aprendizagem. Contudo, os primeiros sinais podem ser observados antes mesmo do período de alfabetização. Dr. Haase afirma que educadores são fundamentais para auxiliar na identificação do transtorno e apoio a especialistas.

“O diagnóstico e tratamento da dislexia envolve uma equipe multidisciplinar de profissionais da saúde e educação, em parceria com escola e família. A identificação precoce permite que, além de terem conhecimento a respeito do que estão lidando, professores realizem intervenções em sala de aula e encaminhem estudantes para uma avaliação interdisciplinar”, diz.

Para incluir crianças com dislexia – e outros tipos de transtornos – a Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência (LBI) prevê que todos os matriculados em educação especial tenham direito ao Atendimento Educacional Especializado (AEE). No entanto, dados do Ministério da Educação (MEC), referentes a 2022, apontam que apenas 44% dos profissionais que atuam no AEE têm formação continuada para atender alunos neurodivergentes.

Dr. Haase destaca que o processo de aprendizagem para esse grupo demanda apoio especializado: “Professores capacitados e métodos adaptativos são fundamentais para superar tais desafios e proporcionar um ambiente inclusivo e estimulante. Os modelos educacionais existentes nem sempre dialogam com as necessidades de todos os alunos. Flexibilizar os currículos pode ser uma forma de reduzir as perdas na aprendizagem de crianças com dislexia”.

Outra aliada da educação inclusiva é a tecnologia, que pode ser usada em casos de alunos disléxicos. O neuropediatra destaca, entre os principais pontos positivos do uso da tecnologia, a possibilidade de personalização, acessibilidade e visualização de informações: “Recursos e materiais didáticos digitais, como o programa TREINI na Escola, visam fornecer subsídios a inclusão efetiva em escolas regulares por meio de plataformas e aplicativos para docentes, alunos e pais”.

** Este texto não necessariamente reflete, a opinião deste portal de noticias

Continue Reading

Saúde

Médica apresenta tratamento exclusivo para gordura localizada durante evento em São Paulo

Published

on

Esta semana acontece em São Paulo o Endothreads Meet, evento idealizado pela médica Fernanda Sulzbach, para lançar um novo protocolo desenvolvido por ela, que promete resultados mais eficazes no tratamento estético.

Através da junção do Endolaser – tratamento a laser, já conhecido no combate à gordura localizada e flacidez –, com Fios de sustentação, Dra. Fernanda criou o Endothreads, que será apresentado para 200 médicos, com vagas esgotadas nos primeiros 30 minutos de seu anuncio.

O Endothreads funciona da seguinte forma: o Endolaser estimula a produção de colágeno, assim, melhora a qualidade da pele, assim, tornando-a mais receptiva à aplicação dos Fios de Sustentação. Dessa forma, os Fios proporcionam um efeito de lifting mais duradouro, auxiliando na manutenção dos resultados obtidos através do laser. A técnica é aplicada em regiões com gordura localizada como rosto, papada e abdômen.

Durante o evento, Dra. Fernanda Sulzbach compartilhará sua expertise em procedimentos com Fios, Endolaser e associações explorando as aplicações, cases de sucesso e inovações mais recentes na indústria, além de compartilhar dicas e insights valiosos que podem ser aplicados imediatamente na prática clínica.

Sobre a Dra Fernanda Sulzbach

Formada em medicina pela UFRGS, com especialização em Cirurgia Geral e Pós-Graduação em Medicina Estética, Fernanda Sulzbach inaugurou sua primeira clínica especializada em procedimentos estéticos no ano de 2008, em Santa Maria/RS.

Com um expertise de mais de 10 anos em Fios de Sustentação, Dra. Sulzbach é uma das principais referências na área da medicina estética. Graças às suas técnicas exclusivas e reconhecidas nacionalmente, passou, a partir de 2016 a realizar workshops direcionados a outros médicos, tornando-se uma referência no segmento, especializando mais de 300 médicos.

Especializações internacionais

Por dois anos consecutivos, Fernanda Sulzbach participou do IMCAS – Curso Internacional de Mestrado em Ciência do Envelhecimento –, um dos mais importantes congressos de Cirurgia Plástica e Dermatologia da atualidade. O evento, que acontece todo mês de janeiro em Paris, reúne profissionais de todo o mundo e, além do aprendizado, a médica pôde apresentar suas técnicas de fios de sustentação a outros colegas de profissão.

Em 2023, participou de um treinamento com técnicas de Blindagem na cidade de Seoul, com o médico sul coreano Dr. Kwon Han Jon, considerado por muitos o “papa” dos fios, graças ao seu pioneirismo nos tratamentos com fios PDO.

Serviço:

ENDOTHREADS MEET

Local: Derma Dream Brasil – São Paulo

Data: 08 a 12 de novembro/2023

Horário: 09 às 18h

Palestrantes:
Dra. Fernanda Sulzbach Cirurgiã Geral RQE 25887

Dr. João Phiton – Derma Dream -CRM 206270

Dra. Andrezza Hoffmann – Toskani Med – CRM 132110

Dr. Luan Zorzin – Toskani Med – CRM 1173731

** Este texto não necessariamente reflete, a opinião deste portal de noticias

Continue Reading

Saúde

Conhecimento e cuidado em saúde sexual entre profissionais do sexo é maior do que quem contrata o serviço, diz pesquisa

Published

on

By

Para a data, o Fatal Model – maior portal de acompanhantes do Brasil, realizou uma pesquisa com uma base de 17 mil respondentes

O Dia do Sexo é celebrado anualmente em 6 de setembro com o objetivo de levantar debates e afastar tabus sobre as relações sexuais da população, além de reforçar a importância da saúde sexual e o uso de preservativos. A data foi instituída em alusão à famosa posição sexual, em 2008, a partir de uma campanha publicitária de camisinhas.

Para a data, o Fatal Model – maior portal de acompanhantes do Brasil, realizou uma pesquisa com uma base de 17 mil respondentes. O levantamento apontou que o conhecimento e o cuidado em saúde sexual entre acompanhantes são expressivamente maior do que quem contrata o serviço. Dos 6.117 acompanhantes que participaram, 70% realizam o exame para detectar ISTs (Infecções Sexualmente Transmissíveis) uma vez a cada 6 meses, contra 8% que nunca fizeram.

Entre os contratantes a disparidade é maior. Dos 11.766 respondentes, 32% realizam semestralmente os exames para detectar ISTs, contra 22% que nunca fizeram. A pesquisa ainda esclarece que 91% dos acompanhantes sabem que os exames para detectar ISTs estão disponíveis gratuitamente no SUS, contra 77% dos contratantes. Quando o assunto é o uso de comprimidos preventivos antes e depois da relação sexual, a falta de conhecimento é evidenciada em ambos os grupos:

‘Falar sobre sexualidade e reprodução é uma questão de saúde pública. Vemos que ainda existe um tabu que rodeia a temática e afasta temas importantes, principalmente de jovens e adolescentes. Se prevenir e entender todos os tipos de metodologias, como o uso de preservativos, pílula, anticoncepcional, como a importância da camisinha no momento do ato e de medicamentos para a prevenção de doenças sexualmente transmissíveis, é imprescindível para uma sociedade mais humanizada e consciente’, complementa Nina Sag, Acompanhante e Diretora de Comunicação do Fatal Model.

** Este texto não necessariamente reflete, a opinião deste portal de noticias

Continue Reading

Facebook

Advertisement

Mais Lidas

Business1 dia ago

Brasil tem 4 em cada 10 Edtechs mais promissoras da América Latina, segundo HolonIQ

O reconhecimento selecionou 100 empresas na região e analisa o desenvolvimento e implementação de tecnologias educacionais Dados da premiação “The...

Geral2 dias ago

Perfumaria Francesa investe no público latino e conquista consumidores fiéis

À medida que nos aproximamos das Olimpíadas de Paris 2024, os olhos do mundo se voltam para a cidade que...

Celebridades2 dias ago

Com Endrick, Prova Bate e Volta e Pocah, Neosa ativa patrocínio do BBB 24

Lucas Henrique chamou a Neosa e se salvou das dores de cabeça do nono paredão  A Neosaldina, marca referência no...

Método i9 empreendedor por Camila Silveira4 dias ago

Camila Silveira, esclarece sobre os Avanços da Neuralink: Desafios Éticos e Promessas Tecnológicas em Foco

A recente divulgação dos avanços da Neuralink, empresa fundada pelo empresário Elon Musk, na criação de um chip cerebral implantável,...

Entretenimento5 dias ago

Sucesso na temporada 2023 o Cola Mais Podcast estreia em 2024

Idealizado e apresentado por Douglas Magoo, Cola Mais Podcast encerra temporada e traz novidades para 2024 Sucesso foi a palavra...

Famosos1 semana ago

Ativações, espaços instagramáveis e influenciadores engajam marcas e espaços vips no carnaval

Muito além do entretenimento e de forma criativa, grandes marcas fidelizam clientes e geram engajamentos nas redes Grandes camarotes do...

Negócios2 semanas ago

Brasil e Chile serão potências econômicas da América Latina em 2024, segundo estudo

De acordo com o Mastercard Economics Institute (MEI), os gastos reais dos consumidores registraram um aumento de 1,9% no ano...

Empreendedorismo2 semanas ago

Empresária Luciane Vaz da 5 dicas para ser uma empreendedora de sucesso.

Luciane ensina passo a passo de como conquistar o sucesso empreendendo em 2024 No mundo acelerado dos negócios, é preciso...

Marketing2 semanas ago

Maior Fabricante de Azeitonas do Brasil, convida criador de conteúdos Vinicius Capeleto para ação de lançamento

O criador de conteúdos digitais, Vinícius Capeleto, está com a Vale Fértil na grande campanha de lançamento de seu produto...

Celebridades2 semanas ago

Com raízes no samba paulistano, Bel Moura esbanja alegria e é rainha do Camarote 011 em SP

Rainha do Camarote 011 se emociona ao declarar seu amor pelo carnaval. “Desfilei pela primeira vez no Peruche aos sete...

Advertisement

Advertisement

Mais Lidas

Copyright © Meio e Markting - Todos os Direitos Reservados.